COMO FICA A VIDA SEXUAL DO HOMEM APÓS OS CINQUENTA ANOS?

Na juventude é comum ter ereção mais facilmente, até mesmo com estímulos apenas visuais. Não é raro conseguir ter mais de uma relação a cada encontro sexual. Com o avançar da idade as respostas sexuais vão se modificando, mas isso não o impede de ter uma vida sexual satisfatória.

O homem deve compreender que poderá precisar de mais estímulos para obter uma ereção, que a sua ejaculação poderá levar mais tempo para ocorrer e que precisará de um intervalo maior entre as relações. As chamadas “falhas sexuais” podem ocorrer em qualquer fase da vida de um homem e não apenas na maturidade.

É importante fazer uma avaliação com um médico Urologista para verificar as dosagens de hormônios, principalmente da Testosterona, pois além da diminuição do desejo sexual , uma baixa desse hormônio pode ser responsável pela disfunção erétil.

É de fundamental importância que o homem a partir dos 45 ou 50 anos faça exames anuais para acompanhar o crescimento da próstata, órgão  muito sujeito ao câncer. O que normalmente contribui para a chamada “impotência sexual” nessa fase da vida são alguns medicamentos, uso excessivo de bebida alcoólica e de cigarros, algumas doenças e o sentimento de “estar só”, sem uma parceira.